quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Quem vêm para o jantar? # 12

A mesa estava posta, a carne estava no forno, quase no ponto ideal para ser servida, e meus estimados convidados conversavam animadamente enquanto aguardavam a refeição. Da cozinha ouvia suas vozes descontraídas e eventuais gargalhadas, e involuntariamente pensei que a escolha dos convidados havia sido certeira.

O casal Tommy e Tuppence Beresford são os protagonistas criados por Agatha Christie menos conhecidos do público em geral, e que aparecem em cinco livros da Dama do Crime. Como não poderia deixar de ser, o casal se complementa: Tommy é analítico e objetivo, enquanto Tuppence é intuitiva.

Em Sócios no Crime (resenha em breve), Tommy e Tuppence utilizaram técnicas nada convencionais para desvendar os casos que lhes eram apresentados, adotando os métodos investigativos de inúmeros detetives da literatura.

Assim, imaginei que o casal iria apreciar compartilhar a refeição com Lincoln Rhyme e Amelia Sachs — personagens criados por Jeffery Deaver —, pois além de possuírem uma mente aguçada para a resolução de crimes, tal dupla utiliza um método muito peculiar para examinar as cenas do crime.

Sachs, conhecida com os olhos e as pernas do policial paraplégico, percorre “a grade” no local onde ocorreu o delito. Ou seja, faz uma busca minuciosa e sistemática do ambiente, procurando por quaisquer pistas que possam revelar como ocorreu o crime e quem é o criminoso.

Quando levei o prato principal para a mesa de jantar, ouvi o trecho da conversa entabulada pelos casais e não consegui conter um sorriso, pois Lincoln falava justamente da cena do crime.

— É como eu digo: na cena do crime "há prova suficiente para fazer um filme sobre quem fez o quê com quem e, provavelmente, o que cada membro do elenco esteve fazendo nas últimas vinte e quatro horas." (DEAVER, A Cadeira Vazia, p. 48). — afirmou o policial categoricamente, gerando risos nos demais convidados.

Interrompi a conversa anunciando que o jantar estava servido, ao mesmo tempo em que percebi o privilégio de ser o anfitrião em uma noite tão promissora.

5 comentários:

Juliana disse...

Oi, Alê!
Ótimo texto, adoro como você mistura os personagens, ficou realmente genial :D

Beijoooo!

Ju
julianagiacobelli.com

Lú Miranda disse...

Claro que eu deveria ter imaginado a primeira foto tinha algo de investigativo, suspeito...Tinha que ser coisa da Agatha Christie, eu amo tudo sobre ela! Amei seu post!!!

Luiza Helena Vieira disse...

Adorei! Quem dera eu nesse jantar! Iam querer me expulsar por não calar a boca.

Nardonio disse...

Legal seu texto. Nunca tinha lido algum post como esse. Parabéns pela criatividade!!!
Gostei bastante de seus "convidados". Realmente escolheu bem.

Seguidor: DomDom Almeida
@_Dom_Dom

canto da estante disse...

Titulo bem interessante , adorei o post !!!!

Postar um comentário

 

Além da Contracapa Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger